Novo caso clínico do Projeto Apolônias do Bem

Por | 30 de outubro de 2018

A atriz Nanda Costa entrou em contato com a Turma do Bem contando que recebeu em sua rede social um pedido de ajuda diferente: uma mulher que perdeu seus dentes nas agressões sofridas por ex-companheiros queria voltar a sorrir. Procurou atendimento odontológico, mas, não conseguiu arcar com os custos do tratamento.

A coordenação do projeto Apolônias do Bem fez a triagem e logo o dr. Armando Moraes Piva recebeu a A.C.R.F., que não sorria há mais de 20 anos e já não tinha mais esperança de sorrir novamente.

O plano de tratamento sugerido foi: exodontia dos elementos dentais e restos radiculares presentes na arcada superior, instalação de seis implantes Cone Morse nas medidas 4,0 x 7,0 mm (região 16), 4,5 x 13 mm (região 13), 4,5 x 15 mm (região 11), 4,5 x 15 mm (região 21), 4,5 x 15 mm (região 23), 3,5 x 5 mm (região 26) e prótese tipo protocolo com carga imediata.

Todos os implantes e o kit cirúrgico usados durante a cirurgia foram cedidos prontamente pela Implacil De Bortoli, que apoia o projeto Apolônias do Bem desde 2017.

Ainda como plano de tratamento sugerido para a arcada inferior está planejada ortodontia para um melhor alinhamento dos dentes remanescentes e implantes nas regiões dos elementos 36 e 46.