Preservação Alveolar

Por Marcelo Abla | 25 de agosto de 2021

Quando falamos em processo alveolar, estamos muito além do tecido ósseo ou uma simples articulação denominada especificamente de Gonfose. Falamos de um sistema de amortecimento e absorção de impactos altamente  especializado e dependente do dente. Logo, a perda de dente resulta em mudanças tanto horizontais como verticais das dimensões dos tecidos duros e moles. Essas alterações podem ser acompanhadas clinicamente através de: sondagem clínico-cirúrgica, medições por imagens tomográficas e medições em modelos de estudo1.

Estudos mostram que a taxa de reabsorção óssea na face vestibular pode chegar a 56%, enquanto que a reabsorção óssea na face lingual pode atingir 30% em áreas de implantes com superfícies tratadas, colocados no momento das exodontias2.

Geralmente, o padrão de reabsorção da parede vestibular apresenta-se mais grave que a lingual. A reabsorção observada nos tecidos duros no sentido horizontal (vestíbulo-palatino) pode variar de 29% a 63% comparado ao vertical (inciso-cervical), que varia de 11% a 22% em um período de observação de três a sete meses. Acredita-se que essa diferença de porcentagem ocorra devido à presença de dentes próximos à área avaliada ou a espessura da parede vestibular3.

A Implantodontia é a especialidade que deve tratar o processo alveolar como um todo, pois somente assim trataremos a estética vermelha e a estética branca. Vários métodos têm sido descritos na literatura para devolver as dimensões originais do processo alveolar.

A preservação do alvéolo é uma opção de tratamento, evitando ou reduzindo a perda óssea. Alguns procedimentos são sugeridos com o objetivo de reduzir essa perda fisiológica, como a utilização de biomateriais preenchendo o alvéolo, barreiras, instalação de implante imediato entre outros. 4

Avaliamos o desempenho do biomaterial de hidroxiapatita com colágeno tipo I (Extra Graft XG-13®) na manutenção do volume alveolar.

A aplicação como o caso clínico abaixo se mostrou uma técnica acessível a todos cirurgiões dentistas, pois se trata de um procedimento de simples execução e acessível. Logo, deveria constar na clínica diária.

Figura 01 - matéria da semana 25/08/2021
Figura 02 - matéria da semana 25/08/2021
Figura 03 - matéria da semana 25/08/2021
Figura 04 - matéria da semana 25/08/2021
Figura 05 - matéria da semana 25/08/2021
Figura 06 - matéria da semana 25/08/2021
Figura 07 - matéria da semana 25/08/2021
Figura 08 - matéria da semana 25/08/2021
Figura 09 - matéria da semana 25/08/2021
Figura 10 - matéria da semana 25/08/2021
Figura 11 - matéria da semana 25/08/2021
Figura 12 - matéria da semana 25/08/2021
Figura 13 - matéria da semana 25/08/2021
Figura 14 - matéria da semana 25/08/2021
Figura 15 - matéria da semana 25/08/2021

Referências Bibliográficas

1. Rodd HD, Malhotra R, O´Brien CH, Elcock C, Davidson LE, North S. Change in supporting tissue following loss of a permanent maxillary incisor. Dent Traumatol 2007; 23:328-32.

2. Botticelli D, Berglundh T, Tord Berglundh, BotticelliJL et al. Hard-tissue alterations following immediate implant placement in extraction sites. J Clin Periodontol 2004; 31: 820–28.

3. Tan WL, Wg TLon, Wong MC, Lang NP. A systematic review of post-extractional alveolar hard and soft tissue dimensional changes in humans. Clin Oral Implants Res. 2012;23(5):1-21.

4. Fiamengui Filho, JF; Azevedo, FP; Cambiaghi, L; Fiamengui, LMSP; Sant’Ana, ACP; Rezende, MLR; Greghi, SLA. Preservação do rebordo ósseo alveolar após extração dentária. Perionews; 2014; 8(4): 376-382.

5. Januário AL1, Barriviera M, Duarte WR. Soft tissue cone-beam computed tomography: a novel method for the measurement of gingival tissue and the dimensions of the dentogingival unit.  J Esthet Restor Dent. 2008;20(6):366-73;

Marcelo Abla

Especialista em Implantes
Especialista em Biologia celular pela Escola Paulista de Medicina pela Escola Paulista de medicina
Mestre em Implantodontia pela UNESP Araçatuba
Doutor em Implantodontia pela UNESP Araçatuba
Coordenador do Curso de Especialização em Implantodontia da Prime

VER TODOS ARTIGOS DESTE MEMBRO

Marcelo Abla